Nascimento de Jesus Cristo.

Nascimento de Jesus Cristo.
Jesus Cristo nasceu numa estrebaria em uma cidade humilde, Belém da Judéia. Apesar de ser Rei dos reis, não nasceu nesta vida como rei, nem viveu como um rei aqui da terra, embora Deus, não exigiu nem tampouco se apegou a seus direitos como Deus, mas pôs de lado seu imenso poder e sua glória, ocultando-se sob a forma de escravo e tornando-se como os homens e se humilhou ainda mais, chegando ao ponto de sofrer uma verdadeira morte de criminoso numa cruz (Filipenses 2.6-8 Viva). Queria nos mostrar que nós mesmos sendo filhos de Deus, nação santa, e povo adquirido, nesta vida devemos ser simples e humildes como Ele.
Não nasceu de uma forma natural com sendo resultado de relações sexuais, pelo contrário, nasceu da atividade sobrenatural do Espírito Santo como está escrito no Livro de Lucas:
“O Espírito Santo virá sobre você (Maria) e o poder de Deus a cobrirá com a sua sombra; por isso a criança que vai nascer de você será completamente santa – o Filho de Deus (Lucas 1.35 Viva), e no Livro de Mateus:
“José, filho de Davi”, disse o anjo, “não tenha dúvidas em tomar Maria como sua esposa, pois a criança que esta no seu ventre foi concebida pelo Espírito Santo (Mateus 1.20 Viva).
Normalmente, existem objeções a um nascimento virginal como sendo algo impossível. No pensamento acadêmico liberal, milagres são características de um fenômeno natural disfarçado. Alguém pode elaborar essa afirmação apontando casos de patogêneses no reino animal ou em modernas experiências de clonagem. Mas não é o caso de patogênese humana. É preciso pensar no nascimento virginal como algo sobrenatural, pois, para os seres humanos isso não é possível; mas, para Deus, tudo é possível (Mateus 19.26 NTLH).
Outro fato é que muitas pessoas pensam que Maria concebeu Jesus Cristo. Mas se Ele tivesse sido concebido de Maria a palavra do SENHOR entraria em contradição, pois está cristo no Livro de Jó:
Como, pois, seria justo o homem perante Deus, e como seria puro aquele que nasce da mulher? (Jó 25.24 JFA-RC.), e no Livro de Salmos:
Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe (Salmos 51.5 JFA-RC). Se assim o fosse, ou seja, Jesus ter sido concebido de uma mulher Ele não seria Santo e teria sido formado em pecado, mas sabemos que Jesus Cristo não pecou.
Resta-nos então afirmar e com veracidade que Jesus nasceu de Maria. Conceber é o mesmo que gerar ou ser formado, Jesus foi concebido, gerado, formado pelo Espírito Santo (Mateus 1.20). Nascer é sair do ventre materno ou do corpo de uma mulher, e isso está de conformidade com a Palavra em Hebreus que diz:
Pelo que, entrando no mundo, diz: Sacrifício e oferta não quiseste, mas corpo me preparaste (Hebreus 10.5 JFA-RC).

Leia Mais…

Resto do Post

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s